É normal se sentir perdido

Ao menos isso é o que repito pra mim mesma toda vez que me sinto um pouco perdida, e posso dizer que não são poucas as vezes. Apesar de saber que Ele é o caminho, a verdade e a vida ( João 14:6) e isso já nos dá um lugar seguro que é Jesus.

“Respondeu Jesus: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim.”

Mas mesmo assim, é possível que o sentimento de incerteza seja presente e sabe, é normal. Não somos desse mundo. Muitas coisas daqui não fazem sentido porque esse é só um tempo, uma passagem pra algo maior e melhor que é a eternidade ao lado Daquele que nos criou. Estamos aqui, mas não somos daqui. João 15 nos fala que se fôssemos daqui, seríamos amados pelo mundo, mas não somos. Fomos resgatados.

“Se vocês pertencessem ao mundo, ele os amaria como se fossem dele. Todavia, vocês não são do mundo, mas eu os escolhi, tirando-os do mundo; por isso o mundo os odeia.”

Por saber essas coisas, prefiro acreditar que é por isso que volta e meia o sentimento de não pertencimento aparece. Por, de fato, não pertencer. É louco, mas é real. A gente passa a vida toda falando “não levamos nada dessa vida” mas trabalhamos incansavelmente para ter coisas aqui. Nosso tempo é, quase que totalmente, voltado para as coisas terrenas. As atividades daqui, os compromissos, o dinheiro.

Não se prenda aqui.

Por mais que o sentimento possa ser sufocante e por vezes desgastante, às vezes é necessário entender que isso faz parte da experiência de viver como estrangeiro em uma terra. Essa terra não é nossa e esse não é o nosso lugar. Da mesma forma que o povo foi estrangeiro ansiando a terra prometida, assim somos nós esperando o dia de estar com Deus.

“Amem os estrangeiros, pois vocês mesmos foram estrangeiros no Egito.”
Deuteronômio 10:19

Aprenda a entender seus sentimentos e entenda que alguns deles não tem causas terrenas e sim celestiais. Assim acontece também com o nosso senso de justiça. Ele de fato não é nosso. Porque nós não somos justos, mas Deus é. Então Ele gera justiça em nós. Percebe como somos movidos a pensamentos dos céus quando estamos sendo um com o Autor da Criação?

Abrace o seu não pertencimento. Você não é daqui e um dia nos encontraremos na eternidade! <3

Mulher no meio das flores com paz que excede entendimento

Paz que excede entendimento

É engraçado como é a vida quando caminhamos por fé e em conhecer a palavra de Deus. Depois de alguns anos tendo escolhido Jesus e andando por meio das promessas e verdades que Ele tem pra nossa vida, achamos que já sabemos o suficiente. Conhecemos as histórias da Bíblia e algumas, de tanto ouvir, sabemos contar de trás pra frente. Mas o problema é que quando vem a tribulação e o dia mau, questionamos sobre onde Deus está.

Aliás, o dia mau vem para todos, assim como veio para Jesus. O dia mau existe e muitas vezes chega até nós para amadurecimento e acaba não sendo de tudo mau. Quem seria você sem seus dias maus? Provavelmente muito mais imaturo do que hoje. Suas cicatrizes fazem de você quem você é, então, apesar da dor, você pode ter orgulho de cada uma delas.

O fato é que por acharmos que sabemos muito de Deus e que já vivemos o máximo que poderíamos ter vivido em Sua palavra e presença, achamos que temos o controle dos dias maus. Mas o conhecer a Deus vem da paz nos dias maus e de entender que não estamos isentos de passar por momentos ruins e tempos de sofrimento.

Paz que excede entendimento humano

Imagine só que no livro de Filipenses , Paulo escreve que a paz de Deus, que sobrepõe todo entendimento humano guardará o nosso coração e Provérbios 4:23 diz que sobre tudo que devemos guardar, precisamos guardar o nosso coração porque dele procede as fontes de vida.

Bom, se do nosso coração procede as fontes de vida e, a paz de Deus guarda o nosso coração, só temos vida quando temos a paz de Deus. Isso é bem mais complexo do que parece porque essa paz excede o entendimento humano, isto é, a olho humano não faz sentido nenhum. Afinal, quem estaria em paz em meio a tempestade? JESUS! Jesus estava em paz, Ele dormia. Já os discípulos se desesperavam com a tempestade do barco. Se precisamos ser mais parecidos com Jesus, precisamos também, desesperadamente, copiar suas atitudes.

Parece que só se conhece as verdades de Deus quando se busca a paz que excede entendimento. E é TODO entendimento. Entendimento que você tem sobre você e sobre as pessoas. Aliás, a paz só vem quando olhamos pra nós e não para o outro. Se o nosso foco é quem está do nosso lado, nos perdemos. Se continuarmos a leitura de Filipenses 4, veremos que existe um caminho para alcançar a paz que excede entendimento humano.

“Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável, tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou digno de louvor, pensem nessas coisas.”
Filipenses 4:8

Alcançando a paz

A maneira de alcançar paz é olhando para as coisas que são dignas e excelentes. Essas coisas vêm do coração de Deus. Se baseiam em amar sem julgar porque a Bíblia diz que julgar é indesculpável – e se não há perdão, não há paz -. Se baseiam em olhar mais pra dentro do que pro lado: se falamos muito do outro é porque há faltas em nós. É manter o nosso coração longe das paixões da mocidade. E quando é dito isso não é apenas no sentido amoroso das coisas. É principalmente as coisas que somos apaixonados mas que roubam o nosso tempo e espaço com Deus. Também é estar mais tempo na internet do que com a Bíblia aberta. É falar mais dos outros do que de Deus. Quantas paixões da mocidade existem pra nos desviar do foco que é Cristo!

Paulo diz ainda sobre ser adaptável, ou seja, precisamos aprender a nos adaptar as circunstancias. Mas isso não é sobre permanecer nos dias maus, mas saber que há tempo de plantio e tempo de colheita como diz em Eclesiastes. Há tempo para todo propósito. Tempo para sorrir e tempo para chorar. E tudo bem, isso é parte do processo de transformação que Deus tem pra fazer.

Ainda para alcançar a paz que excede todo entendimento precisamos ser amáveis. Quando somos amáveis temos Deus e se temos Deus há paz em nós.

“Seja a amabilidade de vocês conhecida por todos. Perto está o Senhor.”
Filipenses 4:5

Comece a andar sobre as águas

Disso tudo, sabemos que alcançar a paz é tão necessário quanto respirar. O mundo está buscando por ela em coisas e paixões da mocidade enquanto nós a temos dentro do nosso coração mas perecemos por falta de conhecimento. E falta de conhecimento da palavra de Deus como a Bíblia já nos alertou. Que o nosso coração possa olhar pras coisas do céu, pras coisas que são nobres, puras e retas e que possamos agir em amabilidade para assim a paz que excede entendimento seja constante em meio a tempestade e então possamos, antes de clamar desesperados por Jesus, encontrá-Lo e andar com Ele sobre as águas.

Bíblia : Apóstolo Paulo

Esse , pra mim , é um dos maiores homens da Biblia . E talvez o que mais pode se encaixar na sociedade de hoje .

Paulo era Saul , perseguidor do evangelho , buscava cristãos que adoravam a Deus e mal tratava , batia , deixava eles presos em porões com as pernas e braços amarrados , sangrando . Ria da dor deles e falava que o amor que eles tinham em Deus era heresia . Até um dia , que estava indo atras de pregadores da palavra de Deus , e o sol o cegou . Naquele momento , ele começou a ouvir a voz do Todo Poderoso perguntando porque Saul perseguia a Deus , pois perseguia aos seus discípulos .

Ficou cego durante 3 dias , o tempo necessário para relembrar tudo o que tinha feito , o quanto tinha pecado contra o Senhor e se redimir . Foi batizado nas águas , fazendo nascer um novo homem .

Aquele novo homem era Paulo , apostolo do Senhor . E Deus ? É claro que Deus o aceitou , apesar de tudo o que tinha feito Deus o ama como qualquer outro . Paulo começou a ter no seu coração uma fome por almas

, fome por levar a palavra de Deus . Apesar de muitas vezes não ser aceito por homens , ele sabia que tinha sido aceito por Deus e isso bastava , Paulo pregou o evangelho e anunciou a salvação . Paulo foi fiel ao seu Deus , foi apedrejado , correu perigos , vigiou , jejuou , orou . 

Paulo passou de perseguidor a pregador , passou a ser notável porque agora o Espirito Santo tinha nele , habitação . 

E sabe porque eu acho que é uma historia que se enquadra na nossa vida ? 

Bom , porque muitos jovens hoje estão preocupados com as verdades do mundo , e apedrejam as verdades de Deus . Mas são , exatamente pra esses jovens que Deus fará ver Sua existência . São exatamente esses jovens que recorrerão a Jesus Cristo no momento da angustia. São esses jovens que perante ao mundo se dizem ateus , mas sozinhos recorrem ao Senhor . 

Deus chamará e mostrará Seu amor a todos aqueles que o perseguiram , porque Deus ama o pecador, Deus ama a cada um de seus filhos , esse amor sendo reciproco , ou não .