Se dê conta: transtornos alimentares

“GENTA promove há 14 anos a Semana de Conscientização sobre transtornos alimentares e obesidade”

Ontem começou mais uma campanha nacional de prevenção dos transtornos alimentares : Semana Se Dê conta 2018!

Esse movimento de conscientização é organizado desde 2004 pelo GENTA, que é o Grupo Especializado em Nutrição e Transtornos Alimentares, e tem o objetivo de orientar a população sobre os malefícios dos transtornos alimentares e obesidade. A campanha “Se dê conta” é lançada depois da semana de conscientização liderada pela NEDA- Associação Nacional de Transtornos Alimentares dos Estados Unidos.

Esse período é uma mobilização para alertar sobre a seriedade dos transtornos alimentares e seus fatores de risco e também para debater temas pertinentes da área. Esse ano os temas em destaque são:

– Ditadura da beleza e práticas das dietas.

– Obsessão cultural pelo corpo “perfeito”.

– Estigma da obesidade.

– Alimentação, saúde, beleza e bem-estar.

– Influência da mídia e da cultura na insatisfação corporal, autoaceitação e autoestima.

Para realizar esse trabalho o GENTA promove palestras, workshops, cursos e campanhas nas redes sociais com o objetivo de promover a autoaceitação de diversos tamanhos e formas corporais, contribuindo para a melhora da autoestima e a diminuição do estigma contra a obesidade, além de alertar sobre os perigos da alimentação inadequada. No site deles é possível baixar gratuitamente um material para uso educativo e de orientação sobre os transtornos alimentares.

GENTA- GRUPO ESPECIALIZADO EM NUTRIÇÃO E TRANSTORNOS ALIMENTARES 

O GENTA é formado por um grupo de profissionais que há quase 20 anos compartilha saberes sobre transtornos alimentares, obesidade e insatisfação corporal. Tem missão de estudar, pesquisar, avaliar e discutir formas de tratar e prevenir os TAs e obesidade. A equipe é formada por nutricionistas e profissionais de educação física. Eles têm diversos livros, artigos científicos e campanhas para promover o conhecimento sobre os transtornos alimentares, obesidade e boa relação com o corpo e saúde. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge