Nunca fui boa com sentimentos

Nunca fui boa com sentimentos. Na verdade nunca fui boa em falar de sentimentos, escrever é outra história. Nunca fui boa de demonstrar sentimentos. Não que eu não sentisse, sempre senti muito mas sempre senti só pra mim. Nunca fui ( e acho que nunca serei) aquele tipo de pessoa que grita o que sente por aí. Se você me cobrar isso, provavelmente vou fugir.

As vezes parece joguinho mas é só essa mania de não querer mentir. Nem pra mim e nem pro outro. Se eu não quero responder, eu não vou. Não adianta. Pode parecer grosseria só que eu te juro que não é. Provavelmente eu demore pra responder um pouco. Às vezes porque não queria responder naquela hora, às vezes porque eu esqueci ou às vezes só porque não deu mesmo. Pode ser que eu te responda rápido, mantenha a conversa, chame de vez em quando. Pode significar alguma coisa; Ou não.

Talvez eu demonstre de milhares de formas mas esqueça as convencionais. Provavelmente vai ser muito difícil eu falar que te amo. Se eu falar, por livre e espontânea vontade, sem cobranças e na frente das pessoas, pode ter certeza que é verdade. Na frente das pessoas porque um dos sentimentos mais difíceis de lidar é o medo de se sentir vulnerável. E isso talvez seja a prova do quanto eu me sinto.

Ah, tem outra coisa: eu tenho uma facilidade gigante em colocar ponto final nas histórias. E se eu coloquei é porque não tem mais jeito e te garanto: não tem volta. Ah, e não importa o quanto isso tenha importado, se eu coloquei ponto final é que já esqueci mesmo.

Essa coisa de não saber demonstrar ou demonstrar do meu jeito faz com que as pessoas achem que a gente não sente. E ó, sente viu. Sente muito, quase como um turbilhão. Faz planos, sonha só que tudo em silêncio.

Mas olha vou te dar uma dica: seja sincero com você mesmo, com seus sentimentos. Não escute o que as pessoas falam pra você fazer e faça só o que te der vontade e assim, o único responsável pelos seus sucessos e fracassos será você mesmo.

 

2 comentários sobre “Nunca fui boa com sentimentos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge